Nova  Cartilha da

Vizinhança Solidária

Clique aqui para

fazer o download.

Biografia

Caros amigos,

Gostaria de agradecer a todos que me confiaram seu voto. Fizemos a nossa parte, mas infelizmente não atingimos os votos necessários para continuar.

Fico feliz por ter contribuído com a minha Polícia Militar e com a população de São Paulo, num mandato sério e com leis que ajudaram e continuarão a melhorar a vida das pessoas.

Contente também por ver que a Milícia Bandeirante a...



 

Enfrentar o perigo é algo intrínseco à vida de qualquer soldado. Todo militar, quando faz o juramento de ingresso à Corporação que vai pertencer, promete, no cumprimento da missão, se necessário for, o sacrifício da própria vida. Os números de policiais mortos em combate em nosso país são a prova de que este juramento não é mera formalidade.

De uma forma diferente, mas não menos cora...

A Constituição Federal dispõe que são quatro os símbolos oficiais do Brasil: a Bandeira Nacional, o Hino Nacional, o Brasão da República e o Selo Nacional. A apresentação e uso desses símbolos são regulados por lei. O dia 18 de Setembro é a data oficial de celebração desses símbolos.

Eles representam o Brasil dentro e fora do território nacional, são usados em cerimônias,...

Exercitar a cidadania é cuidar do espaço onde vivemos. Quando tomamos conta da nossa casa, da nossa rua, do nosso bairro e do nosso município nos sentimos como pertencentes a tal lugar.  Com isso, aumentamos a solidariedade, ajudamos o próximo a também colaboramos com a integração.

Muitas vezes, situações erradas, como buracos no asfalto, ruas com iluminação precária e lixo espalha...

A segurança pública é tema de grande importância nos dias atuais e é uma das principais aflições da sociedade moderna. Ela é, sem dúvida, a expressão primordial da ordem pública. Quem exerce a linha de frente nesta cruzada diária são os mais de 90 mil homens e mulheres, integrantes da nossa Polícia Militar, que estão incumbidos de realizar a polícia ostensiva e a preservação da ordem p...

Mais uma vez houve quebra da ordem na Assembleia Legislativa em 14 de setembro, quando  'pseudo' estudantes foram até um prédio público para causar baderna. A alegação foi que queriam acompanhar uma CPI, mas, na verdade, espalharam pânico, agrediram quatro policiais – entre eles estava uma mulher – e depredaram lixeiras plásticas e uma vidraça de um dos gabinetes, como registrou a polí...

O reflexo das urnas em todo Brasil e principalmente em São Paulo, com a derrocada do Partido dos Trabalhadores (PT) e dos envolvidos nesta mesma gestão, demonstra, de fato, o quanto as pessoas querem a coisa certa. Ninguém aguenta mais e aceita compactuar com tanta desorganização e falta de zelo pela coisa pública.

Um bom exemplo ocorreu na capital, onde o candidato à Prefeitura, João D...

Em períodos de grande desilusão e descrença na política, é comum que muitos cidadãos se recusem a exercer o direito de voto.

Muitos dizem que preferem anular ou votar em branco, acreditando que, assim, não estarão legitimando a atuação insatisfatória que poderão ter os futuros governantes.

No entanto, não podemos esquecer que alguém, independente da nossa vontade, vai ocupar a cadeira do...

Vivemos uma crise no Brasil. Econômica e política mas, acima de tudo, uma crise moral. Isso causa uma grande vergonha interna e até no exterior, mas, ao mesmo tempo é um grande exercício da democracia. Pela primeira vez estamos vendo pessoas sendo responsabilizadas. Não só os mais fracos, mas também ministros, deputados, senadores e grandes empresários, que estão sendo presos por ações...

 

Temos observado nos últimos anos um aumento expressivo da desordem urbana e um avanço na sensação de insegurança.

 

Muitos estudos foram desenvolvidos para comprovar teses que mostrassem as conexões entre a violência e seus fatores geradores. Alguns trabalhos tentaram mostrar que a violência está ligada ao tráfico de drogas; outros, a fatores tão diversos como a miséria, a desigualdade...

Please reload

Alvaro Batista Camilo, o Coronel Camilo nasceu em Ferraz de Vasconcelos e trabalhou por 33 anos na Polícia Militar do Estado de São Paulo. Chegou ao cargo máximo da instituição: foi seu Comandante-Geral entre abril de 2009 a abril de 2012.
 
Graduou-se pela Academia de Polícia Militar do Barro Branco em 1981 e é pós-graduado em Segurança Pública pelo Centro de Estudos Superiores da Polícia Militar. Especializou-se e atuou nas áreas de Bombeiros e de Tecnologia da Informação.
 
Administrador de empresas pelo Mackenzie, Bacharel em Direito pela Universidade Cruzeiro do Sul é pós-graduado (MBA) em Gestão de Tecnologia da Informação pela FIAP e em Gestão de Segurança Pública pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.
 
Como Comandante-Geral da Polícia Militar, primou pela transparência das ações e pela valorização dos policiais militares. Criou a Operação Delegada e sempre teve foco no cidadão. Adepto da Polícia Comunitária, tem um gabinete aberto e aplica a experiência de gestão adquirida no Comando da PM para ouvir a comunidade e melhorar a qualidade de vida das pessoas.
 
O posto de alto comando foi decisivo para ouvir e entender os anseios das pessoas. Foi assim que surgiu a frase sempre utilizada por ele: “Sempre é possível fazer mais e melhor”.
 
Candidato a deputado estadual pelo Partido Social Democrático (PSD), elegeu-se com 64.448 votos nas eleições de 2014. É pré-candidato e pretende a reeleição como Deputado Estadual no próximo pleito de outubro de 2018.

Trajetória
Desenvolvido por @carinarabelo.com